s.t.

Um relógio ao fundo a contar o quanto mais eu deixo de fazer. E mais outro, os dois fora de sintonia. Agora os dois cantam a tragédia: no segundo em que um cala, o outro anuncia.
A casa está vazia e se houvesse silêncio pensaria que a vida parou. Mas há sempre a sinfonia dos ponteiros que nos guia ladeira abaixo.

-2013

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s